Unimontes gradua 143 acadêmicos em 13 cursos
Publicado: 03/04/2018 17:19

Anthony Juliano/Unimontes
Anthony Juliano/Unimontes

"Luz do saber numa região agreste e altaneira". Foi parafraseando o Hino da Unimontes que o patrono-geral dos graduandos da Universidade Estadual de Montes Claros, o diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), professor e pesquisador Paulo Sérgio Lacerda Beirão enalteceu o papel da instituição para a formação e transformação no sertão norte-mineiro.

 

O pronunciamento foi proferido durante a solenidade unificada de outorga de grau para 13 cursos de graduação da Unimontes, oferecidos no campus-sede, na noite de segunda-feira (02/04), no salão de eventos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – 11ª Subseção Montes Claros. A cerimônia foi presidida pelo reitor João dos Reis Canela, juntamente com o vice-reitor, professor Antonio Alvimar Souza.

 

Emocionado, o diretor da Fapemig, professor Paulo Sérgio Lacerda Beirão afirmou que "o convite me honra sobremaneira, justamente pelo foco na excelência e pelo papel de liderança que a Unimontes representa para o Norte de Minas. O resultado não poderia ser melhor. E esse é o motivo da nossa celebração hoje", ponderou.

 

Em seu discurso, o reitor João Canela afirmou ser "esse um dos mais importantes momentos da nossa comunidade acadêmica, pois traduz a expressão do resultado para a sociedade, de todo o empenho, esforço e dedicação dos nossos docentes e servidores técnico-administrativos. Para nós, essa emoção é sempre renovada pelo sentimento de realização, que é maior do que qualquer adversidade" enalteceu o reitor.

 

INDICADOR DE QUALIDADE

A política de estímulo à qualidade na qualificação dos servidores e professores, a partir do Programa de Capacitação de Recursos Humanos (PCRH), destinado às instituições estaduais de pesquisa, também foi pontuada pelo patrono-geral. "A Fapemig tem orgulho de ter iniciado essa política. A Unimontes aproveita de forma extraordinária essa oportunidade que demonstra sua qualidade. Antes do PCRH, a Unimontes não tinha nenhum programa de Pós-Graduação. Hoje tem 15 cursos reconhecidos não apenas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), mas internacionalmente", comemora.

 

Foram graduados 143 acadêmicos dos cursos de Administração (bacharelado), Artes Música (licenciatura), Ciências Biológicas, Ciências contábeis (bacharelado), Ciências Econômicas (bacharelado), Engenharia Civil (bacharel), Geografia, História, Letras Inglês, Matemática (licenciatura), Tecnologia em Gestão Pública e extemporâneos de Ciências Sociais (bacharelado) e Filosofia (licenciatura).

 

Contagiados pela alegria e euforia dos graduandos, familiares e amigos revelaram o sabor de fazer parte de um momento importante para a Universidade e para os novos profissionais. "Alegria enorme para toda a família. Sou da zona rural de Glaucilândia. Pra mim é uma honra ver minha filha concluir um curso superior. Era o sonho dela", comemora Maria Aparecida Siqueira, mãe de  Fabiana Siqueira Alves Martins, graduada em Administração de Empresas.

 

Jéssica Karine, oradora oficial, representante dos graduandos, destacou o esforço durante a caminhada de cinco anos na Universidade e enalteceu o papel  social, psicológico e moral da instituilçao na formação profissional. "Nenhuma alta sabedoria pode ser atingida sem uma dose de sacrifício", observou.

 

Emoção dupla viveu Antônio Pereira Lima, egresso da Unimontes, hoje empresário,  durante a solenidade no salão de eventos da OAB. Com duas filhas na Unimontes - uma delas graduanda em Administração e outra cursando Medicina - o empresário ressaltou o caráter formador da Instituição para a família: "A Unimontes faz parte da nossa vida", disse emocionado com a filha Ana Clara Brito Lima. "Sempre curti a área de gestão, o comportamento humano. Agora é fazer juz ao título", disse com lágrima nos olhos, a agora administradora Ana Clara.