Estado participa de debate virtual sobre pecuária bovina
Evento virtual reuniu representantes de Minas Gerais e de estado australiano
Publicado: 30/04/2021 15:12 | Atualizado: 30/04/2021 15:13
Foto: AdobeStock Foto: AdobeStock

Com objetivo de viabilizar oportunidades de negócios e a troca de informações e tecnologias para a pecuária bovina, o Governo de Minas, por meio das secretarias de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e de Desenvolvimento Econômico (Sede), se reuniu na quarta-feira (28/4) com representantes do estado de Queensland, na Austrália, no seminário virtual "Tecnologia para Gerenciamento da Pecuária Bovina".

O encontro contou com a apresentação de soluções para o setor, tanto de Minas Gerais – representado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), vinculada à Seapa, e pelas associações de criadores de gado das raças Zebu e Girolando –, como do estado australiano, que contou com representantes de cinco empresas que oferecem uma série de tecnologias voltadas para rebanhos bovinos.

Retorno

A secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Maria Valentini, destacou que “os números mostram a força que o setor tem dentro do agronegócio mineiro. Minas Gerais possui o terceiro maior rebanho bovino do país, com cerca de 22 milhões de animais. Além disso, o estado é a principal bacia leiteira do Brasil, com uma produção anual de mais de 9 bilhões de litros, representando 27% da produção nacional de leite".

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, lembrou que Minas Gerais vem trabalhando para alcançar uma economia descomplicada e desburocratizada, criando um ambiente cada vez mais propício para se fazer negócios.

“Em muitas das nossas iniciativas, nos inspiramos em práticas adotadas pela Austrália, utilizando os melhores benchmarks do mundo, tendo como resultado uma economia mais livre. Esperamos colher bons frutos em curto prazo com este novo ambiente que Minas está construindo para os investidores e empreendedores. Atingimos cerca de US$ 25 bilhões em investimentos atraídos nos últimos 2 anos, nos mais diversos ramos e setores da atividade econômica, inclusive na agropecuária”, lembra.

Sebastian Tobar, gerente do Departamento de Negócios da Trade and Investment Queensland (TIQ) na América Latina, acrescentou que a história de cooperação entre o estado australiano e Minas Gerais teve início em 2013, com a assinatura de um acordo de relacionamento bilateral. Elton Miller, diretor executivo do Departamento de Agricultura e Pesca de Queensland, apontou a expectativa de que o encontro resulte em soluções para a indústria de gado brasileira, além de futuros projetos colaborativos entre Minas e Queensland no uso de tecnologias para a agricultura.