Governo de Minas busca projetos para estruturar Centro Tecnológico de Capacidades Avançadas
Chamamento Público tem inscrições abertas até o próximo dia 10 de agosto
Publicado: 08/07/2020 17:15 | Atualizado: 14/08/2020 08:29
Foto: Divulgação Sede Foto: Divulgação Sede

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), publicou, nesta quarta-feira (8/7), o edital de Chamamento Público que visa à obtenção de estudos, levantamentos e propostas para implantação e operação do Centro Tecnológico de Capacidades Avançadas (CTCA), localizado no município de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Por meio desse Chamamento, o Estado de Minas Gerais espera receber os estudos de modelagem de engenharia e arquitetura, operacional, econômico-financeira e jurídica. A estruturação de parceria com a iniciativa privada tem como objetivo tornar a implantação e gestão do CTCA mais eficientes.

O superintendente de Desenvolvimento de Potencialidades Regionais da Sede, Frederico Amaral, explica que o novo formato proposto para o CTCA é de flexibilidade. “O Governo de Minas propõe uma modelagem de empreendimento de uso misto, o qual o empreendedor pode ter não somente empesas de base tecnológicas, como também empreendimentos comerciais, como shoppings, hotéis, por exemplo”, esclarece.

O desenvolvimento desse projeto é fundamental para que o Governo de Minas possa estimular ainda mais a diversificação econômica do estado. A proposta é de também integrar o estado em setores de maior valor agregado e de alta tecnologia que dependem de uma integração logística elevada e que sejam inseridos na economia 4.0. A localização do CTCA, que está muito próximo ao Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, faz o projeto ter sinergia com o Aeroporto Industrial, que, por ser uma zona alfandegada, necessita de serviços próximos ao aeroporto.

“O Centro Tecnológico de Capacidades Avançadas pode ser uma área de produção, de desenvolvimento de pesquisa, de desenvolvimento de produtos. Por isto, a proposta de integrar Minas Gerais na economia 4.0 competitiva, a partir da geração de conhecimento, inovação e criando um ambiente de negócios para instalação dessas empresas”, explica Amaral, garantindo já existir serviços avançados de logística na área.

A proposta é que os projetos partam de um planejamento de longo prazo feito pelo Estado, o Master Plan Econômico, que busca fomentar a diversificação da economia. Setores como aeroespacial, defesa, tecnologia da informação, eletroeletrônico, ciências da vida e fármacos já foram identificados como de grande potencial para a região.

Podem participar

Poderão apresentar a documentação de habilitação para participar do Chamamento Público pessoas físicas e pessoas jurídicas de direito público ou privado, nacionais ou estrangeiras, individualmente ou em grupo, que preencham os requisitos de participação previstos no edital.

Os documentos de habilitação deverão ser entregues à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede), mediante protocolo, até o dia 10 de agosto de 2020.

Para saber mais, clique aqui.